terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Kymatica (Legendas em português)

Part 1


Part 2


Part 3


Part 4


Part 5


Part 6


Part 7


Part 8


Part 9

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Message from Alaje - Pleiadian Consciousness

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

The True Story of the Philadelphia Experiment

Part 1


Part 2


Part 3


Part 4


Part 5

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Morre lentamente quem não viaja


"Morre lentamente quem não viaja,

Quem não lê,

Quem não ouve música,

Quem destrói o seu amor-próprio,

Quem não se deixa ajudar.


Morre lentamente quem se transforma escravo do hábito,

Repetindo todos os dias o mesmo trajecto,

Quem não muda as marcas no supermercado,

Não arrisca vestir uma cor nova,

Não conversa com quem não conhece.


Morre lentamente quem evita uma paixão,

Quem prefere O "preto no branco"

E os "pontos nos is" a um turbilhão de emoções indomáveis,

Justamente as que resgatam brilho nos olhos,

Sorrisos e soluços, coração aos tropeços, sentimentos.


Morre lentamente quem não vira a mesa quando está infeliz no trabalho,

Quem não arrisca o certo pelo incerto atrás de um sonho,

Quem não se permite,

Uma vez na vida, fugir dos conselhos sensatos.


Morre lentamente quem passa os dias queixando-se da má sorte ou da

Chuva incessante,

Desistindo de um projecto antes de iniciá-lo,

Não perguntando sobre um assunto que desconhece

E não respondendo quando lhe indagam o que sabe.


Evitemos a morte em doses suaves,

Recordando sempre que estar vivo exige um esforço muito maior do que o

Simples acto de respirar.

Estejamos vivos, então!»


de Pablo Neruda

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Namo Kuan Shih Yin Pusa



NAMO KUAN SHIH YIN PUSA

Eu me refugio na Luz de Kuan Yin
Saudações à Kuan Yin, a mais Compassiva e Misericordiosa Bodhisattva
É a invocação ao nome de Kuan Yin
Salve Kuan Shih Yin, Bodhisattva

Poderoso mantra da Amada Kuan Yin. Ao pronunciarmos um mantra com respeito e devoção, formas pensamento emanadas pelo som produzido, se unem à formas idênticas emitidas por todos que entoam o mesmo mantra, no tempo e no espaço, criando um campo vibracional muito poderoso e retornam ao ponto de origem , ou seja, às pessoas que pedem pelas bênçaos do mantra e o cantam com fé.

Ao pé da letra esse mantra significa (no Discovering Kwan Yin):

Namo: é uma invocação que significa Eu tomo refúgio em
Kuan : o caracter chines Guan significa observa
Shih: significa mundo
Yin : significa sons
Pu Sa: significa bodhisatva

Eu me refugio no Bodhisatva que observa os sons do mundo!!!

"Que as bênçãos da Mestra estejam presentes na vida de todos nós!"

domingo, 6 de setembro de 2009

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Earth: Pleiadian Keys to the Living Library

Embraced worldwide as key spiritual teachers of our times, the Pleiadians are back, with another bold and controversial look at our highest purpose on Earth. Earth: Pleiadian Keys to the Living Library is their handbook to inspired living, calling on us to restore and return value to the human being, and to recognize the Goddess energies and the power of blood as connections to our DNA and our heritage.

Using wit, wisdom, and deep compassion, they entice us to explore the corridors of time through the concept of the Game Masters; to awaken the crucial codes for multidimensional perspective; and to redream the Living Library of Earth. Their teachings are significantly arranged in twelve chapters to trigger a deeper understanding of our ancestral lineage. Earth probes the memories hidden deep within us to reveal our crucial roles in the transformational process unfolding in our times.

Video 1


Video 2


Video 3


Video 4


Video 5


Video 6


Video 7


Video 8


Video 9


Video 10


Video 11


Video 12


Video 13


Video 14


Video 15


Video 16


Video 17


Video 18


Video 19


Video 20

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Nossa Verdade Interna



  • Você, que veio das estrelas e deu o grande mergulho no mundo de matéria.
  • Você, que veio das estrelas e, com o sacrifício de sua própria origem cósmica, se abrigou num invólucro de carne.
  • Você, que veio das estrelas e abandonou a realidade universal para habitar o mundo de ilusões.
  • Você, que veio das estrelas, e que agora sente-se estranhamente só, esqueça-se de tudo e entregue-se aos apelos de sua voz interna. Ouça o que ela tem para lhe dizer, que nada mais é tão importante, nem mesmo os compromissos com que o mundo tenta distrair sua visão cósmica.
  • Descobrirá que, na verdade, não está só, que são muitos os seus irmãos das estrelas que para cá também vieram para estender a mão e amparar com ombros fortes os passos da humanidade desta difícil época de transição.
  • Será fácil reconhecê-los, palavras não serão necessárias, e nem mesmo será preciso saber seus verdadeiros nomes.
  • Saberá encontrá-los pela afinidade de suas energias, pelo chamado de seus corações e pela profunda identificação com seus sentimentos.
  • Você, que veio das estrelas, sente agora no canto mais íntimo de sua alma, que chegou o momento de encontrar, na Terra, a sua família universal, que chegou o momento do reconhecimento, que chegou o momento da reunião de todas as forças para a realização da missão única de que todos se incumbiram, antes de aqui chegarem.
  • Abra seu coração, acorde sua consciência adormecida, apalpe seu ser interior, deixe que ele fale, acima de tudo, acima do mundo, acima de todos os conceitos que não lhe permitem existir em toda a sua potencialidade cósmica.
  • Você, que veio das estrelas, que é todo luz e é todo força, libere-se, que chegou o tempo de abrir as portas para uma nova era.
  • Você, que veio das estrelas, eterno viajante do espaço, compartilhando agora com tantos outros irmãos uma experiência tridimensional e difícil, não se deixe mais perder em momentos inúteis que lhe trazem apenas solidão, não se deixe mais seduzir pelas falsas luzes do asfalto, assuma sua personalidade cósmica, estenda seus braços e, num único abraço, envolva sua grande família, sua imensa família universal e todos juntos, com plena consciência da unidade de sua origem, cada qual com a sua parcela de colaboração, cumprirão com alegria e coragem o maravilhoso trabalho de conscientização da humanidade para este novo milênio!

Márcia Villas Boas